Skip to main content

detalhe

Fotografia

No Planeta Onde Vivo

Exposição de fotografias de Guilherme Silva

26 set 2022 Data seguinte: 27 set 2022
10:00 - 18:00
Entrada livre

A exposição de Guilherme Silva 'No Planeta Onde Vivo', reúne pela primeira vez no Arquivo Fotográfico um vasto conjunto de provas impressas pelo autor, de diferentes épocas e contextos de produção, que revelam não só o seu profícuo percurso como ainda a sua singular linguagem fotográfica. 

Guilherme Silva, dedicou toda a sua vida profissional em exclusivo à fotografia (final dos anos 60 até inícios do século XXI), atividade essa que foi repartida entre o ensino, a foto-reportagem, o trabalho autoral, encomendas e projetos de longa duração. 

As participações nas emblemáticas primeiras edições dos Encontros de Fotografia de Coimbra (1980 a 1982), uma bolsa da Fundação Calouste Gulbenkian para o desenvolvimento de trabalho autoral de fotografia (1985), ou a sua participação na exposição Fotoporto (1988), com catálogo editado pela Fundação de Serralves, fazem do seu trabalho uma referência importante na mediação entre a reportagem, o ensaio e o projeto fotográfico.  

Marque na sua agenda...

8 de outubro, 16:00 - Visita guiada pelo curador, José Oliveira

Biografia

A atividade fotográfica de Guilherme Silva (Lisboa, 1948) inicia-se com cerca de vinte anos de idade tendo realizado a sua primeira exposição quando cumpria serviço militar em Moçambique em 1970. De regresso ao continente fez formação no Instituto Português de Fotografia (1970), e tornou-se membro do Foto- Clube 6x6 em Lisboa, uma organização de fotógrafos amadores que, em 1975, tomaria a designação de APAF (Associação Portuguesa de Arte Fotográfica).

Foi no Foto-Clube 6x6/APAF que…

Biografia

A atividade fotográfica de Guilherme Silva (Lisboa, 1948) inicia-se com cerca de vinte anos de idade tendo realizado a sua primeira exposição quando cumpria serviço militar em Moçambique em 1970. De regresso ao continente fez formação no Instituto Português de Fotografia (1970), e tornou-se membro do Foto- Clube 6x6 em Lisboa, uma organização de fotógrafos amadores que, em 1975, tomaria a designação de APAF (Associação Portuguesa de Arte Fotográfica).

Foi no Foto-Clube 6x6/APAF que realizou as primeiras exposições individuais, tendo posteriormente realizado mostras em muitas outras instituições e participado nos importantes Encontros de Fotografia de Coimbra, entre 1980 e 1982.

Foi colaborador da revista Nova Imagem, para a qual fez diversas reportagens, tendo sido o seu enviado especial para fazer a cobertura dos Encontros Internacionais de Fotografia de Arles (1980).

Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian (1985) e viu o seu trabalho premiado pela Organização Mundial de Saúde (1986).

Em Lisboa fez trabalhos para o Instituto Português do Património Cultural e para a Câmara Municipal de Lisboa (Bairros da Graça e Bica).

As suas fotografias foram publicadas em mais de 30 títulos da imprensa nacional e regional e da bibliografia com imagens suas há duas referências que interessa reter, a antologia Fotografia Portuguesa 1970-1980 (Ed. Secretaria de Estado da Cultura, 1982) e a escolha para integrar a exposição Fotoporto e respetivo catálogo, numa edição da Casa de Serralves (1988) com texto introdutório do crítico e curador Fernando Pernes.

As suas imagens fazem parte de diferentes coleções públicas e privadas entre as quais a Biblioteca Nacional de França, Museu do Neo-Realismo, Fundação Dr. Mário Soares, e integram as Coleções Fotográficas do Centro Português de Fotografia (DGLAB – Ministério da Cultura). 

ver mais
ver menos
No Planeta Onde Vivo-1